>>> "Combate à AltaTensão vai continuar..."

Quinta-feira, 04 / 10 / 2007

A comissão de moradores de Vale Fuzeiros. entre outras da freguesia de São Bartolomeu de Messines, que se encontraram hoje em Lisboa frente da sede da REN, ameaçaram apresentar uma providência cautelar junto do tribunal para impedir a construção da linha de muito alta tensão nas respectivas zonas da freguesia Messinense.

Sérgio Santos, um dos principais representantes dos moradores afectados pelo traçado, acrescentou hoje à comunicação social, que o responsável da Rede Eléctrica Nacional (REN) Jorge Lixa não lhes deu garantias de que as obras vão parar, apelando ao Ministério da Economia para que juntamente com o Ministério do Ambiente encontre uma solução para alternar a fixação dos postes de alta tensão, de forma a não prejudicar os habitantes.

A população pensa agora seriamente em recorrer juridicamente ao caso, na hipótese de poder obter os mesmos resultados do processo jurídico instaurado pela população de Sintra à REN, que ganharam pela voz do Supremo Tribunal Administrativo, ao confirmarem a decisão de mandar desligar a linha aérea de muito alta tensão instalada pela REN entre Fanhões e Trajouce, no concelho de Sintra.

Texto: Patrick Martins

2 comentários:

Dr. Araújo Peixe disse...

Antes de mais, desejo a maior sorte ao povo de messines e fico em absoluto solidário por todos vos. Ao que me parece a vossa situação fica um pouco mais intrincada para se poder renegar as pretensões da REN nesse local. Mas se vossas excelências exporem e concorrerem ao Supremo tribunal Administrativo com a situação, será provável que tirem maior vantagem nos prósperos resultados que lhes serão procedentes a este caso.

As maiores felicidades

Dr. Araújo Peixe

Anónimo disse...

N s ten ovido nada d vale fuzeros agora s vai a tribunal o n?